Melhores e piores alimentos para a sua pele

Aromas essenciais para seu equilíbrio ->
Quero conhecer

As frases “Você é o que você come” e, agora, “Você é o que você sabe sobre o que come” estão circulando por toda parte. São conceitos veiculados em todos os meios de comunicação e é cada vez maior o número de informações sobre alimentação. Esse é o primeiro passo e um ótimo sinal! Neste contexto, vamos ver quais são os melhores e piores alimentos para a sua pele, que sem dúvida passam por uma alimentação saudável e equilibrada. Vem comigo!

Melhores e piores alimentos para a sua pele

São vários os fatores que podem interferir em uma pele bonita e saudável e a alimentação é, com certeza, um fator importante nesse quesito. Vamos às informações:

Piores alimentos para a pele

O consumo de frituras e alimentos gordurosos pode aumentar o risco de acne, excesso de oleosidade na pele e obstrução dos poros. O mesmo pode ser dito dos alimentos processados, pobres em nutrientes, ricos em aditivos químicos, hormônios e sal.

Os alimentos com alto índice glicêmico como pães brancos, massas, bolos, etc. também estão relacionados com problemas de pele. No caso de uma alimentação que se baseie em todos esses alimentos, a aparência da pele vai ser o menor dos problemas, mudar essa dieta é imperial para a saúde e, consequentemente, para a beleza da pele!

Sempre bom lembrar os outros fatores inimigos da pele, que são: sol sem proteção, cigarro, álcool, falta de sono, stress e má hidratação.

Melhores alimentos para pele

Dentro do que chamamos de alimentação saudável, alguns nutrientes são especialmente bons para a pele como os antioxidantes, minerais (zinco) e as vitaminas A e E. Eles protegem a pele da ação nociva dos radicais livres, estimulam a renovação celular, o colágeno e a elastina, melhorando não só a aparência, mas também a saúde da pele.

Alguns exemplos de ótimas fontes de vitamina A são: abóboras, cenoura, batata doce e folhas verdes escuras. Já de vitamina E são as amêndoas, azeitonas, damasco seco e semente de girassol. O zinco pode ser encontrado em espinafre, gérmen de trigo, amêndoas e sementes de abóbora.

Uma dieta anti-inflamatória também pode fazer muita diferença na aparência da pele, inclusive na indesejável celulite. Boas fontes de ácidos graxos essenciais como o salmão e outros peixes de água fria, óleo de coco orgânico, castanha do Pará, linhaça e chia são bons exemplos, sem nos esquecer dos alimentos antioxidantes como as frutas vermelhas (morango, amora, ameixas, mirtilo, framboesa, etc.).

Uma boa hidratação e o consumo adequado de fibras na dieta também favorecem o bom funcionamento do sistema intestinal, eliminação de toxinas e hidratação da pele. O ideal é mudar os hábitos alimentares, privilegiando, sempre que possível, alimentos orgânicos e naturais.

Aqui no Lar Natural há várias receitinhas e truques naturais para uma série de questões! Explore a nossa busca na lupinha e descubra muitas receitas e dicas!

A gente quer conhecer você de pertinho para conseguir fazer matérias na medida dos seus desejos e necessidades, então conte pra gente quais são as suas dúvidas de alimentação. O que você quer ver nos nossos artigos e vídeos? Conte pra gente!

Assista aos vídeos do Lar Natural! Clique aqui e compartilhe o canal com os seus amigos!

Compartilhe este artigo pelo Facebook ou Google +

 

Imagem: Reprodução (Beauty.com)

Este post foi publicado em por