Dicas para voltar a treinar depois de muito tempo parada

Bicicleta Infantil de Equilíbrio ->
Seu filho merece!

Depois de muito tempo parada, sabemos que voltar a treinar pode ser muito difícil e penoso. Com algumas dicas e um pouco de estratégia, vamos ajudá-la a parar de empurrar com a barriga e a segurar esse touro pelos chifres. Vamos juntas!

O psicológico pode ser uma armadilha

Nesses momentos, é fácil comprovar a teoria de que em uma única pessoa “moram” várias, e com vontades muito diferentes. É importante escolher a voz que se quer e precisa ouvir e excluir as outras. Simples assim!

Seja qual for o motivo que a fez parar (saúde, compromissos, desânimo, falta de motivação, lesões), acreditamos que o primeiro passo é analisar os seus motivos e avaliar a sua vontade e convicção de voltar ao treino. Fechando na ideia, agora vamos à prática!

Estabeleça metas para voltar a treinar pouco a pouco

Estabelecer metas pode ser muito motivador. Vale se planejar para correr uma prova de 5 km, entrar “naquela” calça que tanto gosta, melhorar os resultados dos seus exames laboratoriais, levantar sua autoestima, trabalhar a superação, melhorar sua qualidade de vida, ou simplesmente atingir novamente aquela sensação de disposição e bem estar e, porque não, do dever bem cumprido.

Agora faça um plano para alcançar suas metas, é importante ser realista quanto à disponibilidade e viabilidade. Uma vez estabelecido o seu plano, execute-o, defenda-o com unhas e dentes. Sabendo que começar de novo implica em diminuir as cargas, volume de treino ou até mesmo, começar do zero e ir evoluindo aos poucos, mas continuamente.

Abomine a procrastinação!

Nada de deixar para a segunda-feira ou amanhã. Coloque seus planos em prática hoje!

Acredite, a maior dificuldade é sair, dar o start, depois a coisa vai. Trabalhamos bem com condicionamentos e, logo, logo você vai estar tão habituada à “função” treinar que vai agradecer a Deus e rezar para nunca mais ter que parar.

Um empurrãozinho para voltar a treinar

Motivação é muito pessoal, muitas vezes voltar a treinar pode envolver mudar de academia, comprar um tênis novo ou, até mesmo, mudar de atividade radicalmente. E nesse caso, todas as alternativas são válidas!

Buscar companhia das amigas para treinar pode ser uma boa ideia, mas não condicione seu treino a isso. Seu treino só depende de você, seja independente.

Sabe aquela ideia de que uma coisa boa leva à outra? Pois é, lembre-se que voltar a treinar pode desencadear um efeito cascata de benefícios, que vão desde dormir melhor, controlar o estresse e a ansiedade, alimentar-se de forma mais saudável e equilibrada, até sentir menos dores no corpo, ficar mais bem disposta, concentrada e bonita, e ainda pode ser bem divertido! E aí, viu vantagem? Então bora treinar!

E aí, conseguimos te motivar? Você já passou por isso, como lidou com a situação?

Este post foi publicado em por