Crises alérgicas: receitas naturais para fazer antes, durante e após

Uma casa com paz e tranquilidade ->
Sinta esse Prazer

Quando nas épocas de temperaturas mais baixas aparecem a incômoda coceira no nariz, coriza, muco, espirros, e sem esquecer o estresse… Tendemos a diagnosticar rapidamente o problema: é resfriado!  É rinite, poeira, mofo! Vamos tentar ajudar a entender e tratar com algumas informações com base na Medicina Tradicional Chinesa.

Segundo Sonia Hirscha, escritora estudiosa da medicina oriental, gripes, resfriados e alergias respiratórias só acontecem porque estamos vivos e o corpo sabe se defender muito melhor do que a gente pensa. E para isso usa um “tapetinho”, o muco, que recobre inteiramente as vias respiratórias e trabalha incessantemente para expulsar o que incomoda.

Além dos tradicionais “desencadeadores” de crises alérgicas: mofo, poeira, pólen e pelo de gato, há também outros fatores que são potencial causa de alergias:

  • Exaustão adrenal, decorrente de stress;
  • Infecções parasitárias, incluindo candidíase;
  • Produtos de limpeza;
  • Desodorantes antitranspirantes;
  • Produtos químicos nos alimentos;
  • Resíduos químicos e antibióticos em carnes, frangos, ovos e leite;
  • Até a proteína do leite de vaca pasteurizado e de seus derivados dão muitos sintomas alérgicos em pessoas que não se consideram alérgicas.
Fonte: Google
Fonte: Google

Por isso, mudar os hábitos e ter uma alimentação rica em comida natural e orgânica, bem como o uso de produtos com menos conservantes e ingredientes tóxicos podem prevenir crises alérgicas, inflamações e deixar seu organismo mais forte para combater vírus e bactérias!

 

O que fazer antes, durante e depois das crises alérgicas

 

Descanse

O organismo tem o poder de se auto-regular. Às vezes bastam algumas horinhas a mais de sono para que tudo volte ao normal.

Fonte: Google
Fonte: Google

Ponha o muco pra fora

Assoe o nariz com vontade, tussa pensando em cuspir o catarro. Nariz e boca são portas de saída das secreções respiratórias. Fungar, jamais! Engolir muco só vai gerar mais muco. Use lenços de pano ou guardanapos de papel resistente. Papel higiênico e lenços de papel finos não são bons porque desmancham e deixam fiapos grudados na mucosa, piorando a irritação.

Fonte: Google
Fonte: Google

Lave a garganta, o nariz, as mãos

Bactérias, vírus, fungos e outros bichos prosperam no catarro. Agravam os resfriados, transformando-os em gripe, sinusite e outras encrencas. 

Fonte: Google
Fonte: Google

 

E aqui vão algumas receitinhas naturais para acabar com as crises:

Xarope de cebola ou Abacaxi com Mel

  • Indicado até para bebezinhos: corte uma cebola em rodelas ou 3 fatias de abacaxi, cubra com mel, deixe descansar de 12 a 24 horas e dê colheradinhas para soltar o catarro.
Fonte: Google
Fonte: Google

Mel com Agrião

  • Ferver um maço de agrião em fogo baixo durante 15 minutos em água suficiente só para cobrir. Coar e espremer, juntar o caldo com 500 ml de mel e tomar às colheradas.
Agrião. Fonte: Google
Agrião. Fonte: Google

Expectorante

  • Cebola crua, socada, ajuda a eliminar o muco, tanto para cheirar diretamente quanto para inalar com vapor durante 3 minutos. Esse vapor também desentope os ouvidos.
Fonte: Google
Fonte: Google

 

Augusto Castro é massoterapeuta, reikiano, aprendiz em bio construção, músico percussionista, cursa faculdade de filosofia, autodidata das terapias alternativas e mecânica quântica. Praticante de meditação, buscador dos princípios essenciais que regem o funcionamento do universo, explorador de novos jeitos de caminhar. Clique aqui para falar com ele.


 

A gente quer conhecer você de pertinho para conseguir fazer matérias na medida dos seus desejos e necessidades, então conte pra gente quais são as suas dúvidas de alimentação. O que você quer ver nos nossos artigos e vídeos? Conte pra gente!

Clique aqui para assistir aos vídeos do Lar Natural no Youtube!

Compartilhe esta matéria pelo Facebook ou Google +

Este post foi publicado em por